ViaCircular Transporte Coletivo

Estrutura Técnica do Ônibus: Mecânica 12 – Dimensões do Veículo

Atualização: Página criada em: 23/04/2022 por César Mattos.

Fontes: Todas fontes são devidamente referenciadas, nenhum dado foi retirado do além, informações são comprovadas por fontes publicadas. Qualquer dúvida ou questionamento sobre algum fato entrar em contato pelo email: contato@viacircular.com.br

Dimensões do veículo

Obs. (1): Medidas excedentes podem ser autorizadas desde que respeitem resolução do CONTRAN n° 210/06 e com autorização renovada a cada ano até o veículo ser baixado.

Obs. (2): Medidas internas da carroceria (ainda que monoblocos), capacidade do bagageiro, quantidade de passageiros, layouts internos, etc. foram transferidos para a seção Estrutura técnica do ônibus: carroceria.

12.00 – Tipos
Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 4x2
Imagem 12.0a – Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 4×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor central 4x2
Imagem 12.0b – Esquema de medidas de chassi motor central 4×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 4x2
Imagem 12.0c – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 4×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 4x2 com módulos ajustáveis
Imagem 12.0d – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 4×2 com módulos ajustáveis.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 6x2
Imagem 12.0e – Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 6×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 6x2 com 1 eixo traseiro direcional
Imagem 12.0f – Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 6×2 com 1 eixo traseiro direcional.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 6x2 com 2 eixos frontais direcionais
Imagem 12.0g – Esquema de medidas de chassi motor dianteiro 6×2 com 2 eixos frontais direcionais.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor central 6x2
Imagem 12.0h – Esquema de medidas de chassi motor central 6×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6x2
Imagem 12.0i – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6x2 com 1 eixo traseiro direcional
Imagem 12.0j – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6×2 com 1 eixo traseiro direcional.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6x2 com módulos ajustáveis
Imagem 12.0k – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6×2 com módulos ajustáveis.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6x2 com módulos ajustáveis e 1 eixo traseiro direcional
Imagem 12.0l – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 6×2 com módulos ajustáveis e 1 eixo traseiro direcional.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 8x2
Imagem 12.0m – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 8×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 8x2 com módulos ajustáveis
Imagem 12.0n – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 8×2 com módulos ajustáveis.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi motor traseiro 8x2 com módulos ajustáveis e 1 eixo traseiro direcional
Imagem 12.0o – Esquema de medidas de chassi motor traseiro 8×2 com módulos ajustáveis e 1 eixo traseiro direcional.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi articulado motor dianteiro
Imagem 12.0p – Esquema de medidas de chassi articulado motor dianteiro.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi articulado motor central
Imagem 12.0q – Esquema de medidas de chassi articulado motor central.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi articulado motor traseiro
Imagem 12.0r – Esquema de medidas de chassi articulado motor traseiro.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi superarticulado motor traseiro
Imagem 12.0s – Esquema de medidas de chassi superarticulado motor traseiro.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi biarticulado motor dianteiro
Imagem 12.0t – Esquema de medidas de chassi biarticulado motor dianteiro.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi biarticulado motor central
Imagem 12.0u – Esquema de medidas de chassi biarticulado motor central.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi monobloco tipo van
Imagem 12.0v – Esquema de medidas de chassi monobloco tipo van.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi monobloco tipo micro-ônibus
Imagem 12.0w – Esquema de medidas de chassi monobloco tipo micro-ônibus.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi monobloco tipo 4x2
Imagem 12.0x – Esquema de medidas de chassi monobloco tipo 4×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi monobloco tipo 6x2
Imagem 12.0y – Esquema de medidas de chassi monobloco tipo 6×2.
Fonte: imagem criada por César Mattos.
Esquema de medidas de chassi monobloco tipo articulado
Imagem 12.0z – Esquema de medidas de chassi monobloco tipo articulado.
Fonte: imagem criada por César Mattos.

Dimensões fora das normas do CONTRAN: Os ônibus com limites de largura e altura superiores aos da resolução do CONTRAN que foram registrados e licenciados até 13 de novembro de 1996, poderão circular até o término de sua vida útil.

(A) 12.01 – Distância entre eixos (EE)

É a distância entre os centros das rodas dianteira e traseira, para o caso de veículos de dois eixos. Em veículos com mais eixos, as distâncias entre eixos correspondem às distâncias entre os centros das respectivas rodas e são indicadas uma após a outra; por exemplo: 4.200 + 1.300 mm.

Distância entre eixos (EE)
Imagem 12.01 – Distância entre eixos (EE).
Fonte: Agrale – adaptada.

(B) 12.02 – Comprimento total [(C)+(A)+(D)]

É a distância compreendida entre a extremidade dianteira e a extremidade traseira do veículo, incluindo tudo. O comprimento total é medido entre limites de para-choques. Outros objetos que se projetem para fora desse limite não são considerados.

Limites máximos de comprimento total (CONTRAN nº 882/21):

  • Ônibus comum: até 14.000 mm
  • Ônibus urbano trucado: até 15.000 mm
  • Ônibus rodoviário 8×2: até 15.000 mm
  • Ônibus articulado: até 19.800 mm (até 25.000 mm permitido portando Autorização Específica)
  • Ônibus biarticulado: de 25.000 mm até 30.000 mm permitido portando Autorização Específica
  • Ônibus + reboque: até 19.800 mm
  • Unidades de acoplamento caminhão + semirreboque de passageiros: até 18.600 mm
Comprimento total
Imagem 12.02 – Comprimento total.
Fonte: Agrale – adaptada.

(C) 12.03 – Balanço dianteiro

É a distância entre o centro do eixo dianteiro e a extremidade dianteira do veículo. Normalmente os para-choques são levados em consideração ao se fixar esta medida.

Balanço dianteiro
Imagem 12.03 – Balanço dianteiro.
Fonte: Agrale – adaptada.

(D) 12.04 – Balanço traseiro

É a distância entre o centro do eixo traseiro e a extremidade traseira do veículo. Normalmente os para-choques, a chapa de matrícula, etc., não são levados em consideração ao se fixar esta medida. No caso de chassis sem carroçaria, as lanternas, os ganchos para reboques, etc., também não são, normalmente, levados em consideração.

Limites máximos de balanço traseiro (CONTRAN nº 882/21):

  • Ônibus comum de motor traseiro: até 62% da distância entre-eixos
  • Ônibus comum de motor central: até 66% da distância entre-eixos
  • Ônibus comum de motor dianteiro: até 71% da distância entre-eixos
  • Reboques e semirreboques: até 3.500 mm
Balanço traseiro
Imagem 12.04 – Balanço traseiro.
Fonte: Agrale – adaptada.

(E)(F) 12.05 – Bitola das rodas dianteiras e traseiras

É a distância medida entre os centros dos pneus pertencentes ao mesmo eixo. Nos casos de eixos com pneus duplos, a distância é medida entre os centros dos vãos livres entre os pneus.

Bitola das rodas dianteiras (direita) e traseiras (esquerda)
Imagem 12.05 – Bitola das rodas dianteiras (direita) e traseiras (esquerda).
Fonte: Mercedes-Benz – adaptada.

(G)(H)(N) 12.06 – Largura

Largura do eixo dianteiro (G): E a distância medida entre as faces mais externas dos pneus pertencentes ao mesmo eixo dianteiro.

Largura do eixo traseiro (H): E a distância medida entre as faces mais externas dos pneus pertencentes ao mesmo eixo traseiro.

Largura máxima do veículo (N): É a maior largura do veículo, compreendida entre suas partes imóveis, externamente.

A largura externa máxima não pode exceder 2600mm (CONTRAN nº 882/21). Nessa medida inclui-se todos objetos da carroceria projetados para fora, exceto retrovisores, luzes de indicação, indicação de pressão dos pneus (rodoar) e para-lamas flexíveis (para-barro).

Largura do eixo dianteiro (direita) e traseiro ou largura total/largura máxima (esquerda)
Imagem 12.06 – Largura do eixo dianteiro (direita) e traseiro ou largura total/largura máxima (esquerda).
Fonte: Mercedes-Benz – adaptada.

(I) 12.07 – Ângulo de entrada (dianteiro)

É o ângulo formado entre o plano horizontal no qual o veículo se encontra (solo) e a reta traçada do ponto de tangência dos pneus dianteiros ao ponto mais baixo da extremidade dianteira do veículo. A medida é feita com o veículo carregado com peso bruto total admissível.

Ângulo de entrada (dianteiro)
Imagem 12.07 – Ângulo de entrada (dianteiro).
Fonte: Agrale – adaptada.

(J) 12.08 – Ângulo de saída (traseiro)

É o ângulo formado entre o plano horizontal no qual o veículo se encontra (solo) e a reta traçada do ponto de tangência dos pneus traseiros ao ponto mais baixo da extremidade traseira do veículo. A medida é efetuada com o veículo carregado com peso bruto total admissível.

Ângulo de saída (traseiro)
Imagem 12.08 – Ângulo de saída (traseiro).
Fonte: Agrale – adaptada.

(K)(L) 12.09 – Vão livre ao solo

Dianteiro (K): é a distância entre a parte inferior do eixo e o solo. Traseiro (L): é a distância entre a parte inferior da carcaça do diferencial e o solo. É medida com o veículo carregado com o peso bruto total admissível.

Vão livre ao solo dianteiro (direita) e traseiro (esquerda)
Imagem 12.09 – Vão livre ao solo dianteiro (direita) e traseiro (esquerda).
Fonte: Mercedes-Benz – adaptada.

(M) 12.10 – Raio de giro

Os valores de esterçamento devem obedecer à algumas variáveis e são relativos a uma curva de 360° (2π rad) dentro de um raio externo entre paredes.

Microônibus, Miniônibus, Midiônibus
Raio externo entre paredes (REEP) – máximo: 12500mm
Raio externo entre guias (REEG) – máximo: 11500mm
Raio interno entre guias (RIEG) – mínimo: 1500mm
Avanço radial de traseira (ART) – máximo: 1000mm
Básico, Padron, Articulado, Biarticulado
Raio externo entre paredes (REEP) – máximo: 14000mm
Raio externo entre guias (REEG) – máximo: 12000mm
Raio interno entre guias (RIEG) – mínimo: 5000mm
Avanço radial de traseira (ART) – máximo: 1400mm
Raio de giro
Imagem 12.10 – Raio de giro.
Fonte: ABNT.

(REEP) Diâmetro mínimo do círculo externo de viragem do veículo: é o diâmetro do círculo descrito pela parte dianteira mais saliente do veículo, com a direção completamente esterçada.

(REEG) Diâmetro mínimo do círculo-base de viragem: é o diâmetro do círculo descrito pela roda dianteira exterior, com a direção completamente esterçada; a medida é tomada a partir do centro da banda de rodagem do pneu.

(O) 12.11 – Altura total – externa

É a distância compreendida entre a parte mais alta do veículo e o solo, medida com o veículo descarregado e com os pneus com a pressão recomendada. Esta medida não pode exceder 3800mm para veículos normais e 4400mm (CONTRAN nº 882/21) para veículos Double Decker (DD).

Altura total - externa: chassi (esquerda) e chassi encarroçado/carroceria (direita)
Imagem 12.11 – Altura total – externa: chassi (esquerda) e chassi encarroçado/carroceria (direita).
Fonte: Mercedes-Benz e Mascarello – adaptada.

12.12 – Altura de interferência entre eixos

É a distância compreendida entre o centro do veículo, na sua parte mais baixa, e a periferia de um círculo de 8 m de raio, tomado na perpendicular do centro da medida entre eixos. A linha da periferia do círculo deve passar no ponto onde as rodas dianteiras e traseiras tocam o solo. Quanto maior a distância entre eixos tanto menor será a distância AIEE.

Altura de interferência entre eixos (AIEE).
Imagem 12.12 – Altura de interferência entre eixos (AIEE).
Fonte: Agrale – adaptada.

12.13 – Altura da parte superior do chassi ao solo

É a distância entre a aba superior do quadro do chassi e o solo, medida no centro da distância entre eixos e com o veículo carregado até o peso bruto total admissível. Tratando-se de veículo de mais de dois eixos, a medida é efetuada no centro correspondente à maior distância entre eixos.

Altura da parte superior do chassi (longarina) ao solo.
Imagem 12.13 – Altura da parte superior do chassi (longarina) ao solo.
Fonte: Agrale – adaptada.

Função desabilitada

Menu